sábado, 6 de junho de 2009

Sonho e utopia

O tempo passa à passos largos
No calço, levo botas batidas
De fato, o que trago comigo?
Muitos calos nessas tristes idas


Será mera fantasia?
Como se sonhasse,
Em algum outro lugar,
Nalguma utopia.
Postar um comentário